Acaso ou destino?
Pode-se dizer que a Flamma Comunicação surgiu por acaso, mas que tem destino certo. Isso porque ela foi criada por uma, digamos, necessidade burocrática, mas a forma de trabalho atento e cuidadoso de sua sócia-fundadora foi logo percebida por alguns executivos e o destino da empresa foi selado. A Flamma Comunicação iniciou então sua trajetória crescente.

Seu primeiro cliente foi a Columbia Tristar Pictures e o trabalho envolvia assessoria de imprensa, marketing e promoção dos filmes da distribuidora que eram lançados nos cinemas de Curitiba. Não demorou muito, a Flamma passou a fazer a assessoria de imprensa da Spaipa Coca-Cola e Kaiser, lançando naquela época produtos como o suco Kapo, a Coca-Cola Light e a água mineral José Gregório, que já mudou de nome. 

Já em 2003 e com a realização de alguns lançamentos de filmes nacionais, o ator brasileiro Luis Melo convidou a empresa a realizar a assessoria de imprensa de seu recém inaugurado espaço em Curitiba, o ACT – Ateliê de Criação Teatral. Depois do Teatro, a Flamma passou a assessorar música, dança, folclore, artes plásticas... Muitos espetáculos e filmes depois... foi assim que a Flamma Comunicação chegou ao segmento da cultura, área na qual se tornou referência. Neste mesmo ano a empresa deixou de atender a Columbia e passou a atender a Disney. Também em 2003 a Flamma começou um trabalho junto à Câmara Americana de Comércio; em 2005, ao HSBC, chegando às áreas de produção editorial e conteúdo para internet, em 2010, à Hamburgueria do Vicente e à Escola Lumen, fazendo planejamento de comunicação e gestão de sites de redes sociais. 

O aspecto de hard news sempre acompanhou a empresa ao longo dos anos. Já divulgamos um cliente da área de broker financeiro, atuamos em eventos de Incubadoras Tecnológicas, Software, Gestão de Resíduos Industriais, Turismo e diversas áreas do Direito.

Nestes anos de atuação, a Flamma já atuou no segmento de terceiro setor, sendo responsável pela divulgação de toda a estrutura de música da prefeitura municipal de Curitiba; shopping centers, tendo assessorado três deles em Curitiba; fez consultoria de imagem para uma empresa do segmento de logística e transporte de cargas; passou a realizar curadoria de exposições de obras de arte, trabalho que realiza até os dias de hoje para um cliente do segmento de Turismo. Devido a todos esses projetos, podemos afirmar que o acaso transformou-se em destino e ainda temos muito chão pela frente, com muitas idéias para colocar em prática. Quer fazer parte da nossa história?